Ultimas notícias:

Mais um acidente hoje no nosso trânsito de cada dia

Um veículo Hydai /santa fé, que trafegava  na Br 316, por volta de meio dia, na entrada da Rua Duque de Caxias, com certa velocidade, por pouco não provoca uma tragédia maior. Um jovem que estava numa moto foi atropelado. O mesmo teve várias escoriações e ferimentos leves. A moto ficou avariada devido ao choque com o veículo.

Meio dia é considerado horário de pico no transito de Santa Luzia do Paruá, e quem trafega pela Avenida João Morais de Sousa, precisa ter cuidados redobrados.

Delegacia de Maracaçume foi encendiada na madrugada de hoje

A Delegacia de Maracaçumé foi incendiada na madrugada de hoje(28). Ainda não se sabe como o fogo começou. De acordo com as primeiras informações, vários veículos que estavam no patio da Delegacia foram queimados. o Incêndio só não foi pior por que o carcereiro providenciou agua na hora.

Suspeita de fraude no cadastramento de 24 pescadores no MA.

O Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA) abriu, ontem (27),  prazo de 60 dias para que 24.673 pescadores do Maranhão, inscritos no Registro Geral da Atividade Pesqueira (RGP), façam o recadastramento. Outros 9 mil do Pará também serão recadastrado.pescador
O objetivo do Ministério é descobrir “pescadores fantasmas” que teriam sido registrados irregularmente entre os meses de julho e outubro do ano passado, às vésperas das eleições.
Como grande parte desses registros não estava ligada a um processo ou mesmo não apresentava qualquer documentação, o Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA) pediu à Controladoria-Geral da União (CGU) que realizasse uma auditoria para verificar a existência de fraudes.
Depois da auditoria, a CGU orientou o MPA a publicar uma portaria suspendendo o registro de 24.673 pessoas no Maranhão e de 9.761 no Pará. Se fraudes forem comprovadas, os registros serão cancelados definitivamente.
O Ministério alerta que portar ilegalmente o Registro Geral da Atividade Pesqueira é crime. Por causa dessa prática ilegal, muitos pescadores ficam sem receber os recursos a que têm direito, como o dinheiro pago pelo Seguro-Defeso, e acabam enfrentado dificuldades para sustentar suas famílias durante os meses do defeso.
Por isso, quem insistir em usar o registro, mesmo sem comprovar que é pescador, terá que devolver os valores de seguro defeso recebidos indevidamente e responderá processo por falsidade ideológica, como manda a lei.
Bate-boca
No Maranhão, em março, uma operação da Polícia Civil de combate a fraude na concessão do Seguro-Defeso em Viana (reveja) gerou forte bate-boca entre parlamentares da chamada “Bancada do Peixe” na Assembleia Legislativa.
O suplente de deputado Fernando Furtado (PCdoB) disse que o deputado estadual Júnior Verde (PRB) – irmão do deputado federal Cléber Verde (PRB) –  transformou a Superintendência Federal da Pesca no Maranhão, que ele comandava, em “balcão de negócios”.
“Essa história é repleta de ameaças e perseguições. O Júnior Verde, quando esteve à frente da Superintendência da Pesca, perseguiu adversários e fez negociatas, dividindo parcelas do seguro-defeso e oferecendo benefícios àqueles que garantiam votar nele para deputado estadual”, denunciou o comunista.
Segundo ele, os irmãos Verde filiavam “pseudo-pescadores” para “dividir recursos”. “Existe realmente essa manobra, de se filiar pseudo-pescadores no Maranhão, para se dividir recursos do seguro-defeso. Isso começou a ganhar mais contornos a partir da entrada em cena dos irmãos Verde no setor”, afirmou.
Júnior Verde contra-atacou. E insinuou que, ao mesmo tempo em que acusa adversários de fazer negócio com a pesca no Maranhão, Furtado tem parentes comandando sindicatos de pescadores.
“Interessante, quando se fala em balcão de negócios, porque tem mulher tomando conta de um sindicato, irmão tomando conta de outro, primo tomando conta de outro. Questão familiar. E ainda vão falar de balcão de negócios? Tendo uma família inteira participando lá do sindicato”, relatou.
Pelo visto, o recadastramento no Maranhão ainda vai dar o que falar. Confira abaixo a lista dos pescadores registrados no Maranhão que precisam apresentar documentação ao Ministério da Pesca.

Eles querem voltar

A dupla que esteve à frente das principais decisões executivas municipais por oito (08) anos, permanece, e unida finge não ver os antecedentes negativos deixados tão recente. 
Responsável por deixar uma herança de obras inacabadas, sucateamento, cofres vazios e não permitiram a transição de governo exigida por lei, o ex-prefeito traz em seu currículo a inoperância administrativa no que diz respeito as ações necessárias para fazer cessar os saques escandalosos aos cofres da SANTAPREV que culminaram em uma valor estipulado que beira os 10 milhões de reais (parte sacado em pleno período eleitoral de 2012).
Mesmo com a imagem desgastada politicamente, fruto da falta de credibilidade provocada pelas acusações pautadas pela Polícia Civil e que se referem a envolvimento com agiotagem, o ex-gestor foi responsável direto pelo fracasso das obras do Sistema de Abastecimento de Água do Bairro São Francisco; pela creche inacabada na Vila Celeste; pelo Ginásio Poliesportivo construído no Bairro Monte Dourado, em desacordo com o projeto original e com material de qualidade inferior e como prova teve sua estrutura danificada pouco tempo após já ter sido inaugurado; o sumiço dos kits sanitários destinados à famílias carentes do Bairro Bom Jesus e Monte Dourado; da obra de reforma e ampliação do Estádio Serra Dourada que nem sequer saiu do papel, enquanto o dinheiro para a execução da obra comprovadamente "evaporou" das contas (320 mil).
 Vale ressaltar que o ex-prefeito não prestou contas dos gastos executados durante o seu último ano de gestão, o que vai de encontro ao verdadeiro sentido que traz uma frase que diz: "Quem não deve, não teme!".
 Ao que tudo indica, o grupo formado por membros que recebiam super salários no governo passado não desistiu de retornar ao poder e apesar dos fracassos nas negociatas e da perca de membros para o 3° grupo oposicionista ainda não perdeu a confiança, em se tratando de política onde tudo "se move por debaixo dos panos", muitas águas ainda podem rolar e muitas mudanças poderão ser notadas na política local ao longo do presente ano.
Neste ultimo fim de semana nunca se viu tanta desfaçatez, tão pouco tempo depois.  


Homem é encontrado morto com sinais de execução em Nova Olinda

 
Por volta de 3:00h da madrugada de hoje, os moradores do Bairro do Trator, em Nova Olinda do Maranhão, ouviram tiros de arma de fogo, nas imediações da estrada que dá acesso a quadra 2, Zona Rural daquele município.  Pela amanhã a polícia foi acionada e fez averiguações e encontrou um corpo. De acordo com informações, trata-se de Edson Sampaio  de aproximadamente 21 anos, residente a Rua 13 de Maio no Bairro do Trator. O sinais indicam que ele foi executado com tiros de espingarda calibre 12, e não está descartada a hipótese de acerto de contas.  Não foi informado se a vitima tinha algum envolvimento com drogas

Tragédia: cinco pessoas da mesma familia morreram afogadas durante um passeio

Uma tragédia  aconteceu manhã desse sábado (25), no Lago do Remanso por volta das 10h:00,  o local fica aproximadamente  43 km da Cidade de  Santa Inês, uma canoa que levava cinco pessoas de uma mesma família virou enquanto todos estavam dando um passeio  no Lago.  As informações dão conta de que na embarcação  uma professora e mais quatro pessoas sendo dois filhos dela e mais outras  duas  crianças. 
O motivo o que provocou a virada da canoa ainda não relatado a imprensa, o nome  das vítimas também não divulgaram, o certo é que todas  moravam em Brejo das Flores, na Zona Rural  de Santa Inês.
 
Fonte: Blog do Antonio Filho

Homem é morto em troca de tiro com a polícia na Vila Celeste

Agora à noite, por volta 20:30h, um jovem de pouco mais de 15 anos,  reagiu a prisão e foi morto durante uma troca de tiro com a polícia no Bairro Vila Celeste. Moradores ainda estão assustados com o intenso tiroteio que aconteceu. A vitima é um elemento de nome Ayrton, - "Pedrinha" -  morador da Rua Itamar, próximo ao Bairro São Francisco, onde teria começado toda a confusão. O corpo foi levado para o Hospital Santa Luzia, onde estão pressente centenas de curiosos.
Este caso está relacionado a richa da turma da Rua Duque de Caxias com a outra turma do Bairro São Francisco. Tambem tem haver com as constantes brigas e desentendimentos entre eles.


População mata estuprador a pedradas após ele ser arrancado de dentro do carro da P

Um caso triste (não pelo estuprador e sim pelas crianças) ocorreu no final da tarde desta terça feira (21), no assentamento Jequitibá, localizado na Linha 45, região de Candeias do Jamary, interior de Rondônia, onde uma criança de apenas cinco anos foi morta com uma facada no peito e outra de 9 anos foi estuprada.
William Jeferson de Farias (33) que era foragido da justiça, cometeu o assassinato no momento em que foi flagrado estuprando a irmã da vítima, que tem apenas 9 anos. A criança ouviu gritos de socorro e na sua inocência, quando tentou impedir que sua irmã continuasse sendo abusada, levou uma facada e ficou agonizando.  William no momento de desespero e com medo de ser preso, pegou a vítima no colo e correu pedindo ajuda a um casal que passava em um veículo.
Seguindo em busca de socorro médico, a mãe das crianças foi encontrada e informada do ocorrido. A vítima do estupro, muito assustada ainda, ao avistar a mãe, contou que William tinha matado seu irmão. A mulher chamou a polícia, que prendeu o homem e colocou na viatura.
No imediato momento em que a população soube do ocorrido, se revoltaram e resolveram fazer justiça com as próprias mãos. Dezenas de pessoas se reuniram, retiraram o estuprador do camburão, que foi morto à pedradas, chutes, socos e pauladas. Os policiais relataram que não tiveram como evitar o espancamento, pois eram muitas pessoas.
William era um elemento de alta periculosidade e no início do ano havia matado um primo de um PM, degolado em Porto Velho.
Copyright © 2013 Blog do Chico da Voz
Traduzido Por: Mais Templates - Design Favorite Blogger