terça-feira, 18 de dezembro de 2018

IMPRESSIONANTE ! Maior esquema de segurança da história é montado para salvar a vida de Bolsonaro

A GSI quer garantir que o presidente eleito possa estar vivo para comandar a reestruturação do Brasil.

Cerveja de macaxeira é a grande novidade da AMBEV no Maranhão

A Magnifica é a nova cerveja produzida do Maranhão, que tem como matéria prima a Macaxeira (em outros estados é conhecida como aipim) , que é muito comum em todo  o nordeste, como em todo o país. A nova cerveja foi lançada na última terça feira (18), na Avenida Litorânia em São Luiz. 
Quem provou gostou da novidade. 
Resultado de imagem para foto plantio de mandiocaA partir de agora a cerveja Magnifica passa a circular no Maranhão, e vai estar na mesa do povo maranhense, ressaltou o presidente da Ambev  Bernardo Paiva. 
Com esta novidade no Maranhão, a demanda de plantio no campo da Macaxeira deve aumenta muito, melhorando a renda dos trabalhadores rurais.




segunda-feira, 17 de dezembro de 2018

Irregularidades levam o FPM de Amapá do Maranhão a ser bloqueado

Recurso é considerado principal fonte de receita das prefeituras. Próximos créditos, agendados para 20 e 28 de dezembro, só poderão ser recebidos por quem estiver regularizado.

Dezenove municípios do Maranhão estão com o Fundo de Participação dos Municípios (FPM) bloqueados pela Secretaria da Receita Federal (SRF), segundo levantamento feito pelo ATUAL7 no site do Tesouro Nacional, nesta segunda-feira 17.

Estão na lista os municípios — seguido por seus respectivos prefeitos — de Altamira do Maranhão (Ricardo Miranda), Alto Alegre do Pindaré (Fufuca Dantas), Amapá do Maranhão (Tate do Ademar), Bacabal (Edvan Brandão), Bernardo do Mearim (Eudina Pinheiro), Buriticupu (Zé Gomes), Dom Pedro (Alexandre Costa), Gonçalves Dias (Toinho Patioba), Lago Verde (Dr. Francisco), Luis Domingues (Gilberto Braga), Milagres do Maranhão (Leonardo Lima), Olho D’Água das Cunhas (Viliane Oliveira), Paço do Lumiar (Domingos Dutra), Pirapemas (Dr. Iomar), Rosário (Irlahi Moraes), Santana do Maranhão (Fransquin Tavares), São Bernardo (João Igor), São João do Carú (Xixico Vieira) e Vila Nova dos Martírios (Karla Batista).

O bloqueio foi realizado na última quinta-feira 13, por conta de irregularidades.

De acordo com o cronograma de repasses da Secretaria do Tesouro Nacional (STN) para 2018, os próximos créditos estão agendados para serem efetivados nos dias 20 e 28 de dezembro.

Enquanto não se regularizarem, os municípios com bloqueio estão  impedidos de receber o FPM, considerado principal fonte de receita das prefeitura


Fonte: Yure Almeida

Sargento diz ter recebido R$ 100 mil para matar o prefeito de Davinópolis

Para a polícia, mecânico “Boca Rica” foi o articulador do crime, os policiais assim como o pistoleiro “Gean Estrada”, foram os executores; O mandante e financiador do crime ainda estão sendo apurados.Em uma acareação realizada na quarta-feira (12), o sargento Wilame Nascimento da Silva, lotado na Polícia Militar em Grajaú, admitiu conforme apuração do Jornal Pequeno, que o mecânico José Denilton Feitosa Guimarães, mais conhecido como “Boca Rica”, ofereceu R$ 100 mil para que o militar matasse o prefeito de Davinópolis, Ivanildo Paiva Barbosa (PRB). A vítima foi assassinada a tiros e cinco pessoas já foram presas por envolvimento.
O delegado Lúcio Rogério Reis, titular da Superintendência de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP), que está na cidade de Imperatriz participando da força-tarefa para elucidar o crime, disse que o sargento confessou isso na frente de “Boca Rica”, durante a acareação. O militar já tinha admitido esta oferta de R$ 100 mil em depoimento prestado ao delegado Renilto Ferreira, da Delegacia Regional de Barra do Corda.
Wilame contou que estava em Grajaú, quando recebeu uma ligação do mecânico, para que ambos batessem um papo em Imperatriz. Lá, “Boca Rica” ofereceu a grana para que o policial executasse o prefeito de Davinópolis. O sargento disse que, naquele momento, não aceitou o dinheiro. Já Denilton, na acareação, negou que tenha oferecido os R$ 100 mil ao PM, mas confessou que a reunião com ele de fato aconteceu.
As investigações do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) apontam “Boca Rica” – que estava com tornozeleira eletrônica por uso de documento falso – como o articulador do crime e que o policial militar de Grajaú foi um dos executores, assim como o pistoleiro Gean Dearlen dos Santos Neres, o “Gean Estrada”. Os outros presos por envolvimento na morte de Ivanildo são o cabo Francisco de Assis Bezerra Soares, o “Tita”, da PM do Pará, e o motorista de Uber Douglas da Silva Barbosa, 21.
Douglas, conforme o delegado Lúcio, emprestou seu carro para que cerca de três suspeitos seguissem viagem até a fazenda do prefeito de Davinópolis, a fim de matá-lo. A fonte observou que os mandantes são da Região Tocantina, mas não se estendeu nas explicações não prejudicar as investigações, pois o sigilo é imprescindível para a elucidação.
O motorista do Uber, assim como os demais, está encarcerado por força de mandado de prisão temporária de 30 dias, que foram cumpridos nas cidades de Imperatriz e Grajaú, no Maranhão, e Dom Eliseu, no Pará, durante a terça-feira (11).

domingo, 16 de dezembro de 2018

SANTA LUZIA DO PARUÁ | Jovem manifesta interesse em ser pre-candidato a prefeito em 2020 com proposta de renovação radical

Ele nunca fez política partidária nem tampouco foi militante de algum grupo politico existente. Até agora tem sido um eleitor como tantos que existem por aí. O nome dele?  Francinaldo.
"Quero fazer tudo diferente na política de Santa Luzia do Paruá
 de tudo que já foi feito até hoje"
É natural de Santa Luzia do Paruá; um ilustre desconhecido no meio político.
" A partir de agora sou pré-candidato a prefeito " , afirma ele, com a plena convicção de que Santa Luzia do Paruá precisa de uma profunda renovação nos conceitos políticos hora existente.
"Eu sempre falo aos amigos, que essa questão de entrar na política muita gente ver com uma forma de se dá bem, ganhar dinheiro; mas eu acho que isso é uma forma errada. Agente olhar as políticas públicas com atenção de forma em geral. Eu quero fazer a diferença na política com responsabilidade, realmente com propósito de mudança, na nossa cidade. 
O que me move hoje a me propor a ser um pré-candidato, são as inúmeras mazelas no poder público da nossa cidade. É uma vergonha o que vemos hoje.
 A política de Santa Luzia tem que passar por uma mudança radical, pra realmente fazer as coisas acontecerem, pra melhorar a vida das pessoas e a cidade. A cada dia que passa as coisas estão ficando pior aqui. Isso é muito triste" , argumenta Francinaldo ao justificar sua decisão de ser um pré-candidato. 
Ele vai mais além e diz: " O dinheiro vem é para se transformar em bem-estar da população", ressalta Francinaldo.
Se alguem vai levar a sério o que ele diz até 2020, e aglutinar adeptos para suas idéias, aí é outra história.

JOÃO DE DEUS SE ENTREGA À POLÍCIA E É PRESO

O médium João Teixeira de Faria, conhecido como João de Deus, se entregou à polícia e foi preso neste domingo (16). O encontro dele com as autoridades ocorreu na encruzilhada de uma estrada de terra no município de Abadiania, às margens da BR 060.
O Ministério Público (MP) do Estado de Goiás confirmou hoje (16) a informação de que o médium João Teixeira de Faria, o João de Deus, retirou R$ 35 milhões de contas e aplicações financeiras após as primeiras denúncias de abuso sexual. A informação acelerou a decretação da prisão preventiva do médium, que ainda não se apresentou à polícia.

Via 247


Em Santa Luzia do Paruá, segue o drama de quem é contratado da prefeitura que possivelmente vão passar o natal liso

O natal e ano novo está chegando. É o momento das famílias se confraternizarem. 
Em Santa Luzia do Paruá, parece que vai ser momentos de tristeza pra quem é contratado da Prefeitura. 
Até agora, o prefeito Plácido Holanda não emitiu nenhum sinal, através do seu secretariado, de que esse problema seja resolvido. Nada foi divulgado sobre o pagamento dos servidores contratados, que estão com 2, 3, 4, 5, 8 e até 10 meses sem ver a cor do dinheiro dos seus salários. Segue o drama e as lamentações do povo. 
Jamais um prefeito tinha feito isso, desta forma por aqui. 
Os problemas da gestão PH não apenas isso, vai muito mais além. São inúmeras situações que ao longo deste ano que está terminando, foi denunciada pelos vereadores. Muitos outros problemas em vários setores. 
O prefeito caiu no descrédito popular.


  

No interior de Goiás, ninguém quer falar sobre o caso do médium João de Deus

João de Deus, médium acusado de abuso sexualCom prisão preventiva decretada, João de Deus, segundo seus advogados ,vai se entregar espontaneamente à polícia. Autoridades negociam como será a sua apresentação.
Segundo o delegado-geral da Polícia Civil de Goiás, André Fernandes, isso não dever acontecer antes das 20h deste sábado, 15. Informações divulgadas 
Para, o Ministério Público de Goiás, João de Deus é um foragido da Justiça. Em nota divulgada na tarde deste sábado, o MP informa que o médium já está na lista da Interpol: 
“João Teixeira de Faria, conhecido como João de Deus, passou a ser considerado foragido, pois as diligências de localização em todos os seus endereços resultaram negativas e o comparecimento espontâneo não ocorreu nas 24 horas seguintes à ordem de prisão, a despeito das tentativas de negociação com a defesa. Assim, poderá ser preso por qualquer autoridade policial brasileira ou estrangeira, com auxílio da Interpol, caso saia do país. O mandado de prisão está inserido no BNMP”, informa a Força-tarefa do MP-GO.
Fonte Folha de São Paulo.