quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

Polícia Civil fecha fábrica clandestina de medicamentos

Na manhã desta quarta-feira, 17, uma ação conjunta entre Vigilância Sanitária Estadual, Ministério Público e Polícia Civil de Pedreiras estourou uma fábrica clandestina de medicamentos no bairro Seringal.

No local, foi encontrada uma vasta quantidade de embalagens, caixas, rótulos para o fabrico de medicamentos. Gota do Zeca, Charque Verde, Diabetfim, Emagrecim, aguardente da Natuquímica e Cerveja Preta eram alguns dos medicamentos fabricados no local, que não possuía nenhuma condição sanitária para funcionar. Também foram encontrados vários tonéis de álcool e sacos de ervas, bem como máquinas para lacres de embalagens.

A ação foi desencadeada após denúncia de uma empresa piauiense de aguardente que, ao perder mercado na cidade passou a suspeitar dos fatos e denunciou à Vigilância Sanitária Estadual do Maranhão.

A titular da 1ª Promotoria de Justiça de Pedreiras, Sandra Soares de Pontes, com atribuições na área do consumidor e saúde, participou da ação e alertou à população quanto ao uso dos medicamentos citados como remédios para emagrecer e até para diabetes, que podem causar sérios danos à saúde.

Onde funcionava a fábrica clandestina foi encontrada uma pessoa, que informou que a residência havia sido alugada por um homem identificado como Ronaldo, preso em flagrante no dia anterior, acusado de vender medicamentos falsificados e que ele o havia convidado para trabalhar com naquele local, mas nunca imaginou que seria ilegal tal atividade.

A operação localizou outra residência na rua da Palmeirinha, onde eram armazenados os medicamentos, e a suposta farmácia, que, na realidade, funcionava como distribuidora e um depósito ao lado.

Bairro Novo está de cara nova para a alegria de seus moradores

Ao longo dos seus quase 20 anos de existência o Bairro Novo sempre conviveu com a lama e a poeira. Entra prefeito e sai prefeito, e o problema sempre era o mesmo. Hoje a realidade é outra completamente diferente. Na administração da prefeita Eunice Damasceno em menos de 2 anos a situação mudou pra melhor. Hoje o bairro é um dos mais bonitos da cidade, com suas ruas asfaltadas e com meio fio, oferecendo maior conforto as mais de 600 familias que residem no bairro.

Deputados estaduais maranhenses reajustam os próprios salários em 26%

Às vésperas de acabar o ano, a Assembleia Legislativa do Maranhão estava agitada e os deputados tinha um motivo especial: aprovação do aumento de salário dos parlamentares. A proposta apresentada era de que o subsidio obedeça formalmente a 75% do valor do vencimento dos deputados federais. Com a aprovação do Congresso Nacional dos salários dos deputados federais para R$ 33,7 mil, os membros do legislativo maranhense vão passar a ganhar R$25.322,25, o que representa um reajuste de 26%. Segundo os deputados o aumento é para cobrir a inflação acumulada entre 2011 e 2014.

Além da aprovação deste salário, governador, vice-governador e secretários de estado tiveram reajustes também, porém estes ficaram apenas na faixa de 6,5%, recuperando apenas as perdas da inflação. As duas proposições foram aprovadas pelo Plenário da Casa Em regime de urgência

O deputado Marcelo Tavares entende que não houve aumento real de salário, apenas um reajuste da inflação e frisou que o pedido não foi feito pelo governador eleito, Flávio Dino. “Você sabe quanto vai ganhar o governador? O reajuste que foi feito foi apenas o da inflação. O reajuste é anual e obrigatório, não foi proposto pelo governador Flávio Dino. O que está aí foi proposto pela Comissão de Orçamento e é feito anualmente sem nenhum ganho real, há algum tempo”, disse.

Sobre abrir mão do reajuste, Marcelo Tavares justificou que a medida poderia impactar nos servidores públicos estaduais. “O salário do governador é o teto do funcionalismo público estadual. Quando o governador pede, em tese para diminuir o seu salário, ele está, em tese determinando a diminuição do salário do funcionalismo público. É feito pensando no funcionalismo público”, afirmou.

Juiz que deu voz de prisão a funcionários da TAM é afastado do cargo

Juiz Marcelo Baldochi
Juiz Marcelo Baldochi
O Tribunal de Justiça decidiu pelo afastamento do juiz Marcelo Baldochi, titular da 4ª Vara Cível de Imperatriz. A decisão pelo afastamento do magistrado foi anunciada no final da manhã desta quarta-feira (17). A decisão foi apoiada no abuso de poder manifestada pelo juiz.Juiz Marcelo Baldochi
Marcelo Baldochi deu voz de prisão a funcionários da companhia aérea TAM porque foi impedido de embarcar após ter chegado atrasado ao aeroporto da cidade de Imperatriz.O caso não foi encerrado, será aberto um processo administrativo disciplinar para a investigação final sobre esta ação e outras denúncias que o juiz já se envolveu.
O prazo para conclusão das investigações da comissão é de no máximo 30 dias, mas a intenção é que o relatório seja finalizado antes do período.
O caso ganhou repercussão nacional.

Ex-vereador Willame Policarpo detido ontem por porte ilegal de arma

 O Ontem(17) no final da tarde, a informação circulou como um rastilho de pólvora em toda a cidade, que  a Polícia Civil de cidade de Zé Doca, atendendo a uma denúncia feita através de seu canais de monitoramento na região, realizou uma operação de busca no carro do ex-vereador Willame Policarpo, resultando em sua prisão.
Segundo confirmação, os agentes da Policia Civil, o conduziram  para a cidade de Zé Doca imediato. Agora o mesmo terá que responder pelo crime de Porte Ilegal de armas que segundo a lei 10.826/03, se for confirmado a autuação ele poderá pegar de 2 a 4 anos de prisão e multa.
Porém conforme mencionado pelo investigador da Policia Civil, o mesmo poderá responder em liberdade após pagamento de multa cujo o valor não foi revelado. Outro fato que não foi confirmado, é se a arma encontrada no carro era de uso restrito ou não.

 Em Zé Doca

Agora pela amanhã, muitas especulações em tono do caso, que circulavam nos bastidores da cidade  e no meio político, é que o ex-vereador Willame permanecia recolhido no sistema prisional da Regional de Zé Doca, para procedimentos conforme a lei. 
Na cidade inteira esse é o assunto do dia. 

Guarda Municipal e Policia militar recuperam moto roubada hoje de manhã

Nesta quinta-feira (18) pela manhã, a Polícia Militar em parceria com a Guarda Municipal conseguiu recuperar uma moto roubada segunda-feira na Quadra 22. 
O indivíduo cujo nome não foi revelado, efetuou o roubo da moto em frente a loja de construções CIMENTÃO PARUÁ. Por sorte o dono da moto roubada nesta última segunda-feira se encontrava nas proximidades do estabelecimento ao lado do Rodoshopping, e ao avistar a sua moto e reconhecer, com a ajuda de guardas municipais conseguiu impedir que o larápio se evadisse. Em pouco ais de 5 minutos a Polícia Militar chegou ao local  para efetuar a prisão em flagrante.

Ao ser indagado sobre a ação a vitima, o senhor RAIMUNDO BALBINO COSTA da Quadra 22, informou:
"Ele e outro comparsa dele me roubaram essa moto na segunda-feira; e além da moto ele me levou 25 quilos de frango abatido..."

Os nossos parabéns tanto a Guarda Municipal quanto à Polícia Militar de Santa Luzia do Paruá!!!

 
Todos os direitos reservados . 2015 © Desenvolvido por Agencia Ideia (98) 9961.1010 - Chico da voz